Quais foram os carros mais vendidos no primeiro semestre de 2020?

Como todos sabemos, trabalhar no setor automotivo exige técnica, criatividade e muita...

Como todos sabemos, trabalhar no setor automotivo exige técnica, criatividade e muita informação. Por isso, aproveitamos o momento para colaborar com a sua operação, apresentando uma lista atualizada com os carros mais vendidos no primeiro semestre de 2020.

O nosso objetivo é reportar não apenas quais foram os modelos mais bem sucedidos no mercado, mas demonstrar quais características fizeram desses veículos escolhas tão populares nesse período de crise. Então, não perca tempo e acompanhe!

A importância de conhecer os sucessos de venda

O sucesso no mercado automotivo sempre vai depender de uma observação próxima e atenta do comportamento dos consumidores. Por isso é tão importante se manter antenado às tendências do segmento, identificando com antecedência as novidades que se popularizarão no mercado.

Conhecer esses fatores oferece muitas vantagens para o lojista automotivo, que pode ajustar suas estratégias para refletir as demandas do mercado. É nesse sentido que conhecer a lista dos mais vendidos é tão importante — principalmente para quem opera no setor de seminovos.

Afinal de contas, o ranking de veículos 0 km quase sempre reflete uma previsão dos principais sucessos no mercado de revenda. Por isso, recorremos ao levantamento da Fenabrave, a Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores para apresentar os números de venda durante esse período.

Como perceberá a seguir, listamos os 10 modelos mais vendidos entre 1 de janeiro a 30 de junho. Para isso, consideramos o Ranking de Emplacamentos Acumulados presente na página 7 da Edição 210 de Emplacamentos da Fenabrave.

Como sempre, o ranking oferece insights valiosos para quem trabalha com a venda de carros. Outro detalhe pertinente é observar a predominância de algumas carrocerias entre esse top 10, que é inteiramente composto por modelos compactos — seis hatches, dois SUVs, um sedan e uma picape.

Os carros mais vendidos no primeiro semestre de 2020

Onix, HB20, Onix Plus, Ka, Gol, Kwid, Strada, Argo, Renegade e T-Cross: esses são os líderes do mercado em 2020. Como pode notar, há uma predominância de modelos populares e econômicos, o que reflete uma preferência dos consumidores em tempos de crise. Agora, conheça mais sobre os modelos!

Chevrolet Onix — 60.267 unidades

Nada menos do que o xodó da GM no Brasil. Sem sombra de dúvidas, a Chevrolet atingiu um ponto sensível na percepção do consumidor, fazendo com que o Onix assumisse uma liderança esmagadora sobre a concorrência, emplacando quase o dobro de unidades que o segundo colocado, o HB20.

Tecnicamente, a nova geração do Onix agrega novos diferenciais a uma fórmula que já havia provado sua eficácia nos lançamentos anteriores. Agora, o modelo adota um visual ainda mais jovem e agradável, além de empregar mais tecnologia mecânica e embarcada do que nunca.

Hyundai HB20 — 32.843 unidades

Assim como o Onix, o Hyundai HB20 é um modelo emblemático no sucesso dos hatches compactos no Brasil. A montadora coreana trata o pequeno HB20 com extrema prioridade, pois reconhece que o sucesso explosivo da marca no país se deve ao sucesso do compacto ao longo do tempo no mercado.

Como todos os modelos Hyundai, o HB20 herda boa fama e reputação inerente à sua montadora, sendo visto como um compacto robusto, durável, tecnológico e confortável. Além disso, o modelo é sempre bem equipado, independentemente da versão selecionada, seja de entrada ou de topo.

Chevrolet Onix Plus — 31.456 unidades

Já aqui, destacamos a versão alongada do Onix. Como você deve saber, as variações sedan são comuns no segmento de compactos, vide duplas como Gol e Voyage, Argo e Cronos, Polo e Virtus, March e Versa e por aí adiante. No entanto, o Onix Plus é a única variante alongada que compõe o topo do ranking.

Em grande parte isso se dá pela harmonia estética que existe entre os dois modelos. Mas, para além disso, a Chevrolet conseguiu realizar um bom trabalho, oferecendo pacotes de equipamento atrativos para quem está cogitando a compra de carros — favorecendo tanto o hatch como o sedan.

Ford Ka — 29.583 unidades

Agora, retornamos ao universo dos hatches compactos que, provavelmente, é o segmento mais concorrido e nivelado do mercado. O Ka é a aposta da Ford para o setor. Assim como os demais modelos, ele oferece boa relação custo-benefício, sem abrir mão de fatores como economia, segurança e estilo.

Volkswagen Gol — 24.827 unidades

Obviamente, o Gol dispensa apresentações. Afinal de contas, esse é o modelo que praticamente inaugurou o segmento, sendo um líder de vendas por mais de uma década no mercado. No entanto, atualmente, o Gol está longe de ocupar a posição de antigamente.

Não nos entenda errado, o modelo continua vendendo como pão saído do forno, vide sua 5ª colocação no ranking de mais vendidos no país. No entanto, é notável o atraso estratégico que a Volkswagen teve para reagir às novidades do segmento, quando o Onix ultrapassou a liderança e tomou o reinado.

Renault Kwid — 23.648 unidades

A Renault decidiu trilhar um caminho inédito. Apesar de ser uma marca com grandes nomes clássicos, sobretudo no mercado europeu, como o histórico Clio, a montadora trouxe ao Brasil um modelo de extrema relação custo-benefício, focando em economia máxima.

Além disso, a marca aproveita a predileção recente por SUVs para comercializar o compacto sob o marketing do SUV dos compactos — aproveitando a maior altura do modelo para transmitir a imagem de que se trata de um utilitário esportivo.

Fiat Strada — 22.849 unidades

Caso confira o levantamento (pg. 7), perceberá que o Strada lidera os comerciais leves, pois assim como toda camionete e picape leve, esse é um modelo que não compete diretamente na listagem de automóveis. No entanto, no consolidado, a valente camionetezinha ocupa uma justa 7ª posição.

Fiat Argo — 22.727 unidades

Criado para bater de frente com hatches compactos mais sofisticados, o Argo é a aposta da Fiat para marcar presença no ranking de vendas do segmento. Considerando que o seu competidor direto, o Volkswagen Polo, registrou 20.470 vendas no período, podemos concluir que a disputa segue acirrada.

Jeep Renegade — 20.710 unidades

Nada mais, nada menos do que um sucesso emblemático no setor de SUVs compactos. A Jeep desembarcou no Brasil com uma estratégia agressiva de proliferar a marca no mercado brasileiro. O Renegade foi a aposta perfeita para isso, combinando design, robustez e confiabilidade.

Volkswagen T-Cross — 20.595 unidades

Considerando a popularização dos SUVs, a Volkswagen vem atualizando seu lineup em uma velocidade incomparável a qualquer outra montadora no mercado. Boa parte dos modelos da família VW agora fazem parte do lineup global, fabricados sobre plataformas modulares, que permitem reduzir custos e aumentar a tecnologia embarcada nos modelos.

E aí, gostou deste ranking listando os carros mais vendidos no primeiro semestre de 2020? Lembrou de outro modelo que merece a nossa atenção? Então aproveite o momento e deixe o seu comentário abaixo!

Receba nossos conteúdos em seu e-mail

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.